terça-feira, 18 de outubro de 2016

DESENCONTROS





APALPEI O OUTRO LADO
DA CAMA
E NADA SENTI
A NÃO SE UM VAZIO
PERCORRENDO PELOS MEUS
DEDOS
TIVE MEDO
DE ABRIR OS OLHOS E NÃO
TE VER
E ME VIREI
QUEM SAIBA SEJA UM SONHO
QUALQUER
DESTES QUE SE DESFAZ
QUANDO A ALMA EM PAZ
SE AJEITA DENTRO DO CORPO
E RELAXA
QUANDO SE ACHA EM PERFEITA
SINTONIA
COM A LUZ DO DIA
COM A SUAVIDADE DA BRISA
E NOS DA A SENSAÇÃO
DE QUE TODA ILUSÃO
NÃO VALE A PENA
POIS A PAZ É SERENA
E NADA FERE
SÃO DESENCONTRO APENAS
DE DUAS ALMAS SERENAS
TENTANDO SE ENCONTRAR
E SE SONHAR É VIVER
ME DEIXE ENTÃO
POIS MEU CORAÇÃO... SONHOU COM VOCÊ.
PENETROU EM SUA PROFUNDIDADE
FEZ DAS RECORDAÇÕES
UM MUNDO
ONDE EM SEGUNDOS

SÓ FICOU... A SAUDADE,