quarta-feira, 31 de agosto de 2016

MINHA HISTÓRIA SEM FIM







O TEMPO PASSA
AS PAGINAS
SÃO VIRADAS
O VENTO NA
ESTRADA
LEVANTA POEIRAS
PELO AR
QUERO MERGULHAR
DENTRO DE SUA ALMA
PURA
MAS EM MINHA LOUCURA
ME DISTANCIO
E NESTE MUNDO VAZIO
MEUS SONHOS SÃO DESPEDAÇADOS
AO MEU LADO
A SOLIDÃO
O DESEJO DE VOAR
APAGAR
TODAS AS ESTRELAS COM
AS MÃOS
POIS O LAMPIÃO
ESTA ACESO
TENHO MEDO
DE SER ESQUECIDO
DE NÃO PODER VER A
COR DO SEU VESTIDO
BRILHANDO EM SEU CORPO
SENSUAL
UIVO FEITO UM ANIMAL
PARA A LUA CHEIA
SÃO MEIA NOITE E MEIA
A MADRUGADA CHEGOU
EM MIM DESPERTOU
O DESEJO DE TE AMAR
MAS COMO MERGULHAR
NESTE RIO PROFUNDO
QUANDO  SEGUNDOS
PASSAM DE PRESSA
POIS SEI QUE O QUE MÊS
RESTA
É VER EM MIM

QUE ESTA HISTÓRIA... É SEM FIM.