domingo, 7 de fevereiro de 2016

DO PASSADO AO PRESENTE







SE MINHAS LEMBRANÇAS
DESSEM-ME A CHANCE DE
VOLTAR AO PASSADO
MEUS OLHOS MAREJADOS
NÃO ESTARIAM ASSIM
QUEM SAIBA EU NEM IMAGINE
QUEM TROUXE ESTAS LÁGRIMAS
PARA MIM
POIS ELAS VÊM DE DENTRO DAS
MINHAS RECORDAÇÕES
SÃO COISAS DE UM CORAÇÃO
CHEIO DE POESIA
E O QUE EU ME LEMBRO
É DO OTACILIO DO TESSARINE
DO FRANCISCO DO JOSÉ DO
INHO DO BORIS
E DO GEORGE ABRÃO
MAS O TEMPO PASSA
VAI DEIXANDO MUITAS COISAS
PARA TRAZ
QUE NÃO DA TEMPO DE SEGURAR
UM NA MÃO DO OUTRO
MURMURANDO NÃO SE VA
FICA
E A LUA LA NO CÉU
CADA VEZ MAIS BONITA
SORRI
ELA SABE QUE UM DIA A DE VIR
ONDE ESTAREMOS JUNTOS DE NOVO
NESTES CAMINHOS DE DEUS
E OS OLHOS MEUS
PROCURAM POR WALTER
CARLOS ALBERTO
DEJALMINHA CARLOS EDUARDO
E ELE BRILHA
EM MINHA RETINA
DANÇA COMO SE FOSSE UMA
MENINA
LA DENTRO DA ALMA
E AQUELA SENSAÇÃO DOIDA
ACALMA-SE
VIRA ESPERANÇA
VOLTO A SER CRIANÇA
SOLTO MINHA PIPA
E A NOITE SE ESTICA
VIRA ETERNIDADE             
E TUDO SE ACOMODA
LA DENTRO
DE MINHA ALMA

EM UMA LONGA... SAUDADE