domingo, 10 de janeiro de 2016

LUZ DA MANHÃ




VOCÊ FOI EMBORA
COM A LUZ DA MANHÃ
DEIXANDO PARA TRÁS
O PERFUME DO CORPO TEU
DOS ABRAÇOS E BEIJOS
QUE ME DEU
DEPOIS DE UMA MADRUGADA DE AMOR
LEVOU DOS MEUS OLHOS O BRILHO
AQUELE SORRISO
QUE VOCÊ DIZ TANTO GOSTAR
LEVOU DOS MEUS LÁBIOS O DOCE PALADAR
QUE O SEU BATOM DEIXOU
FOI COM AS ASAS DO VENTO
E NUNCA MAIS VOLTOU
DEIXANDO PARA TRÁS
OS SONHOS QUE SONHEI
A REALIDADE QUE ACREDITEI
SER ETERNA
MAS NÃO FOI
E O QUE FICOU ENTRE NOS DOIS
VIROU TEMPESTADE
CHUVAS FORTES
UMA TORRENTE DE SAUDADE
UMA VONTADE LOUCA DE VOLTAR
NO TEMPO
DE REVIVER AQUELES MOMENTOS
QUE TANTO MARCOU
E SE AGORA CHORO
EU SEI

UM DIA VOCÊ... TAMBÉM CHOROU.