domingo, 4 de outubro de 2015

NO APAGAR DAS LUZES






DEITA
AO LADO MEU
VAMOS OLHAR
AS ESTRELAS
ENQUANTO O LUAR
BRILHA PELO ESPAÇO
POIS AS CONSTELAÇÕES
SÃO PEDAÇOS
DE UM MUNDO NOVO
QUE COM O TEMPO VAI
RENASCER
SINTA MINHA MÃO NA TUA
POIS A LUA JÁ PASSOU
CAIU SOBRE O MAR
FOI MERGULHAR
ENTRE AS ESTRELAS DESTE
OCEANO
É NO APAGAR DAS LUZES
QUE MEUS LÁBIOS
PROCURAM OS TEUS
SÃO OLHOS MEUS
QUE AGORA QUEREM BRILHAR
VEM NAUFRAGAR
EM MEUS BRAÇOS
SATISFAZ MEUS DESEJOS
QUERO BEIJOS E BEIJOS
MADRUGADA ADENTRO
DEIXE QUE O VENTO TE ACARICIE
TE ALIZE
EM ONDAS TEMPESTUOSAS
POIS A ROSA FLORESCEU
FOI O ESPINHO QUE ME DEU

A FORÇA... PARA RENASCER