segunda-feira, 25 de maio de 2015

SOPROS






SEREI TEU
ASSIM COMO
A LUA É PARA
O ESPAÇO
POIS QUANDO TE ABRAÇO
SINTO MINHA ALMA FLUTUAR
E DESEJO TE AMAR
COMO NUNCA AMEI
COMO NUNCA SONHEI
DESTE JEITO SONHAR
SEREI TEU
NESTE AMANHECER
ASSIM QUE O VENTO VIER
E BATER
NA JANELA
POIS ES A MAIS BELA
ESTRELA DA MANHÃ
É O POEMA
EM FOLHAS FINAS
É A FRESTA DA CORTINA
O RAIO DO SOL
A ISCA E O ANZOL
O RIO E O MAR
A FRUTA MADURA
O MAIS DOCE PALADAR
SÃO SOPROS
DE SENTIMENTOS
SÃO MOMENTOS
HORAS QUE PASSAM
CORPOS QUE SE ABRAÇAM
TORNANDO SE UM SÓ
SÃO NÓS
QUE NÃO DESATAM
SÃO AMANHECERES
DIVINOS
COMO DEVE SER
SÃO LÁGRIMAS CAINDO
DENTRO DE UM SORRISO
LINDO
E CHEIO DE FELICIDADE
SÃO COISAS QUE SE APEGAM
LEMBRANÇAS QUE NOS ENTREGAM

RECORDAÇÕES EM FORMA... DE SAUDADE.