segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

A MAIS DOCE SAUDADE






O TEMPO PASSA
E LEVA MEUS DESEJOS
QUE EM FORMAS DE BEIJOS
EM SEUS LÁBIOS EU DEIXEI
ELE LEVA MINHAS LEMBRANÇAS
QUE DESDE DE QUE EU ERA CRIANÇA
TE AMAR IMAGINEI
ELE É A FORMA EXATA
DESTA RECORDAÇÃO
DESTA VELHA CANÇÃO
QUE EMBALA OS SONHOS MEUS
ELE É A FANTASIA O SONHO QUE
A REALIDADE UM DIA ME DEU
ELE É A SAUDADE
A METADE
QUE POR AI EU PERDI
A FLOR QUE EU VI SE ABRIR
EM MEIO AOS ESPINHOS
AS PEDRAS QUE PELOS CAMINHOS
EU TROPECEI
É A FONTE DE ÁGUAS CRISTALINA
ONDE TEU SORRISO DE MENINA UM DIA REFLETIU
ELE É OS POEMAS AS POESIAS
A LUA QUE BRILHA
O SOL QUE NASCE TODOS OS DIAS
ELE É O BALSAMO SAGRADO
A GOTA DE CHUVA NA JANELA
A LÁGRIMA QUE ESCORRE POR ELA
E VAI AO CHÃO CAIR
É A FOLHA QUE VI SUMIR
NOS BRAÇOS DO VENTO
É O MEU MAIS LINDO MOMENTO
O MAIS DOCE DE TODOS OS PRAZERES
É A ÁGUA QUE MATA MINHA SEDE
É A REDE QUE EMBALA  OS SONHOS MEUS
É O BRILHO
O VENTO FRIO
A TEMPESTADE
É AFINAL

A MINHA MAIS DOCE... SAUDADE.