sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

SONHEI







A FANTASIA
TOMOU CONTA
DO MEU CORAÇÃO
ELE VIAJOU NA CONTRA MÃO
E POR AI SE PERDEU
ELE QUERIA APENAS
OS OLHOS TEUS
NO MEIO DESTA CORTINA
ASSIM QUE A CHUVA FINA
PELO TELHADO DESCEU
A SAUDADE AS VEZES NÃO
É BOA
SÃO COMO GAROAS
NO FIM DA TARDE
DEPOIS DE UM DIA DE CALOR
SÃO APENAS VAPOR
QUE DO CHÃO SOBE
SÃO POEMAS COM O TEU NOME
DITAS PELO POETA
SÃO LUZES QUE PELA FRESTA
ESCAPA
SÃO LAMINAS DE UMA FACA
EM BRILHOS FRIOS
LÁGRIMAS QUE NO VAZIO
VÃO CAINDO
É A LUA QUE VEM SUBINDO
SE JUNTANDO AS ESTRELAS
DESTE CÉU
SÃO VENTOS QUE PASSAM
QUE EM SUAS ASAS ARRASTAM
AS FOLHAS BRANCAS DE PAPEL
E EU AQUI
QUERENDO FLUIR
NOS OLHOS TEUS
QUE DENTRO DOS MEUS
DEIXARAM DE BRILHAR
SÃO COMO CHUVAS DE VERÃO
QUE EU SEI VÃO PASSAR
MAS O QUE FAZER
SE SÓ EU E VOCÊ
ACREDITAMOS EM NOS
QUE A SÓS
AINDA SABEMOS SONHAR
QUERO TE AMAR
MADRUGADA AFORA
NESTE MOMENTO EM QUE AGORA
EU SEI
NÃO PASSA DE UM SONHO
E EU APENAS,,, SONHEI.