sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

DEPOIS DA PRIMAVERA






EXISTE EM MIM
UM SONHO QUE É TEU
UMA LÁGRIMA QUE ME DEU
UMA LEMBRANÇA
SONHOS DE CRIANÇA
QUE COM TEMPO DESAPARECEU
EXISTE EM MIM
UMA SAUDADE
QUE DENTRO DA FELICIDADE
NAS MADRUGADAS FRIAS
DEIXOU AQUILO QUE QUERIA
UMA RECORDAÇÃO
QUE SEM EXPLICAÇÃO
MORREU
FOI DEPOIS DA PRIMAVERA
FOI AS FLORES QUE ME DERA
NAS NOITES DE LUAR
NAQUELE INSTANTE EM QUE
O MAR
SUAS ONDAS SOSSEGOU
SÃO AS FASES DA LUA
QUE ENTRE NOS PASSOU
EM MOMENTOS SÓ NOSSOS
SÃO NÓS
QUE DESFAÇO
DEPOIS QUE DE MIM
SUA ALMA DESATOU
EXISTE EM MIM
POEMAS E POESIAS
PALAVRAS QUE UM DIA
A SAUDADE PRONUNCIOU
SÃO APELOS
FLORES PELOS CABELOS
QUE MEUS OMBROS
PERFUMOU
É A MAGIA DAS LEMBRANÇAS
É A FANTASIA QUE ALCANÇA
MUITO MAIS ALÉM
DO QUE IMAGINEI

E HOJE SEI... FOI O TEMPO QUE PASSOU.