sexta-feira, 8 de agosto de 2014

LUAR







A LUA
VEI ESPALHAR
A MAGIA
PELO AR
DOS OLHOS TEUS
QUE BUSCARAM
OS MEUS
EM UMA ESTRELA
QUALQUER
E APAIXONADA
VEI0 NAS ASAS
DO VENTO
TRAZENDO AOS MEUS
PENSAMENTOS
O DESEJO
UM BREVE BEIJO
UM  LONGO ABRAÇO
SÃO APENAS PEDAÇOS
QUE SE JUNTOU
DEPOIS QUE A SAUDADE
POR AI SE ESPALHOU
EM MADRUGADAS SEM FIM
SEI QUE SOMOS ASSIM
FOI A LEMBRANÇA
QUE NOS APROXIMOU NOVAMENTE
INDIFERENTE
DO TEMPO QUE PASSOU
E DENTRO DESTA NOITE ENLUARADA
PEGAMOS A VELHA ESTRADA
ONDE MUITOS SONHOS
O VENTO LEVOU
FIQUE
NADA EXPLIQUE
NÃO PRECISA NÃO
DEIXE QUE A ILUSÃO
NOS LEVE POR AI
POIS QUEM SABE
O AMOR PODE VIR
E SE ENCAIXAR
DENTRO DO PEITO
POIS ELE FOI FEITO
PARA EXISTIR
APENAS DEIXE FLUIR
E VERAS
QUE TODAS AS NOITES
A LUA VAI BRILHAR
PARA NOS DOIS
NESTES SONHOS QUE DE POIS

EU SEI... NOSSOS DESEJOS... VÃO REALIZAR